O vídeo de Leandro Quadros – o momento em que sinto vergonha alheia

0
12

        Este artigo é uma resposta ao vídeo de Leandro Quadros:

 

     Leandro Quadros disse:

“[…] Joel 2:32 […] prova definitivamente que Jesus é Deus, e não uma criatura.”

 

 

 

      Vejamos o que diz o texto em foco:

(Joel 2:32) “E todo aquele que invocar o nome de Jeová [YHVH] será salvo.”

        Já desejo adiantar aqui para você, caro leitor, que o argumento de Leandro Quadros é simplesmente vergonhoso. É um argumento de nível subcolegial (se é que tal expressão existe). Mas vou deixar que você mesmo perceba isso nessa refutação.

        Leandro Quadros disse:

o apóstolo Pedro e também o apóstolo Paulo aplicaram esse texto a pessoa de Jesus”;

 

 

 

      Essa declaração não procede. Você verá que em absolutamente nenhum momento nenhum apóstolo aplicou isso a Jesus, como se Jesus e YHVH fossem intercambiáveis. E nem precisamos sair do contexto para entendermos isso. A única coisa que precisamos fazer é ler os textos. Mas para tal fim, deixemos que Leandro Quadros faça isso por nós. (Assistam ao vídeo, ele mesmo refuta a si próprio):

        É até mesmo cômico como Leandro Quadros nem ao menos entende o que está lendo, conforme as repetições editadas no vídeo deixaram claro. Veja o texto na íntegra por si mesmo e perceba que YHVH é plenamente distinto de Jesus nessa passagem:

(Atos 2:21-24) “E todo aquele que invocar o nome de Jeová [YHVH] será salvo.”’ 22 “Homens de Israel, ouçam estas palavras: Jesus, o Nazareno, foi um homem que Deus [YHVH] aprovou diante de vocês com obras poderosas, milagres e sinais que Deus [YHVH] fez por meio dele [i.e. de Jesus] entre vocês, conforme sabem. 23 Esse homem [i.e. Jesus], que foi entregue pela estabelecida vontade e presciência de Deus [YHVH], vocês pregaram numa estaca pelas mãos de transgressores e o mataram. 24 Mas Deus [YHVH]  o ressuscitou [i.e. a Jesus] , livrando-o das dores da morte, porque não era possível que ela o mantivesse preso […]”;

        O mais triste é ver que muitas pessoas assistem a essas explicações esdrúxulas, chulas, grotescas, e ainda acham tudo isso algo bonito.

Comentário de um Adventista sobre o vídeo de Leandro Quadros

      Eu poderia continuar e piorar a situação vergonhosa na qual Leandro Quadros se colocou, mas acho que isso que foi feito aqui já é suficiente.

 

Deixe uma resposta

Escreva seu comentário
Por favor, entre com seu nome aqui